Criar um Site Grátis Fantástico
Poesia:"Patriarcado" in. Semblantes e Noturnos
Poesia:"Patriarcado" in. Semblantes e Noturnos

Patriarcado

 

 

 

 

Ser pai é não ser bisonho

ante os mais absurdos sonhos;

é a quase certeza de se eternizar

num repleto e improvável mundo

biodegradável e fecundo.

É sentir o piegas enternecimento

que a lida não deixa transcrever

e vinca o rosto

nos contratempos,

no tempo disposto.

É não comparar e transigir;

soluçar ante vidros de berçários

e sonhar com insonháveis futuros...

É, antes, morder o presente

como fatias de esperanças

ou fiapos de remissão

que brotam em velhos imaturos.

Rating: 2.5/5 (101 votos)

ONLINE
1







Total de visitas: 23603